Início Notícias Contratação polêmica: Entenda os processos na justiça contra Erick Pulgar

Contratação polêmica: Entenda os processos na justiça contra Erick Pulgar

Flamengo está próximo de acertar chegada de volante chileno

Pulgar tem visto de trabalho emitido e Flamengo dá entrada para regularizar o jogador
Foto: Reprodução

O Flamengo está próximo de anunciar oficialmente a contratação de Erick Pulgar. Contudo, problemas no passado do atleta tornam a transação polêmica. Sendo assim, o site “GE” procurou as autoridades chilenas para entender melhor as duas ocorrências que envolvem o volante.

Desse modo, segundo a apuração, Erick Pulgar não é acusado de estupro. Todavia, o jogador é parte do processo como testemunha. Isso porque, a vítima do ocorrido relatou ter sido violentada na casa do atleta. O caso se iniciou no dia 28 de junho deste ano, um dia depois da vítima ter alegado a violência.

Siga Diário do Fla no Twitter 

Caso 

A acusação relata que a jovem, de 24 anos, esteve com um grupo de 10 pessoas na discoteca La Rubia, em Las Condes, entre elas Pulgar, no dia 25 de Junho. Desse modo, a vítima alegou ter consumido bebidas na balada que tiraram a própria consciência e acabou acordando, posteriormente, na casa do volante, com sinais de estupro.

A justiça chilena segue analisando o caso e algumas questões do processo não foram divulgadas para o público. Na época , Pulgar chegou a se manifestar sobre o ocorrido nas redes sociais. Confira abaixo:

Siga Diário do Fla no Instagram 

“Na noite de sábado (25 de junho), um grupo de amigos convidou um grupo de amigos para um encontro na minha casa. Foi normal. Nenhuma das 20 pessoas presentes notou algo estranho. Uma vez terminado o encontro, cada um foi para sua casa por seus próprios meios. Ontem (28 de junho), uma das pessoas presentes à reunião, com a qual nunca tive qualquer tipo de relação, fez uma denúncia informando que tem hematomas por seu corpo e não recorda absolutamente nada do que aconteceu na noite de sábado. Me coloquei à disposição e declarei tudo que vi. Com a informação que pude coletar, não tenho conhecimento de nenhum delito que houvesse sido cometido na minha propriedade. Entendo que a pessoa que fez a denúncia tenha intenção de esclarecer o que aconteceu naquela noite. Eu também. Por isso me ponho à disposição da Justiça para colaborar com tudo que seja necessário. Diante dos rumores infundados e a informação tendenciosa que foi publicada hoje (29 de junho), quero esclarecer firmemente que não estou envolvido em nenhuma classe de denúncia ou delito”, escreveu Pulgar.

Curta Diário do Fla no Facebook 

Atropelamento 

Outra ocorrência que envolve a possível nova contratação do Flamengo é um atropelamento ocorrido em 14 de janeiro de 2013. Na acidente, o volante foi responsável pela morte de Daniel Ampuero, de 65 anos. O jogador não prestou socorro e fugiu do local. Como resultado, Pulgar passou por julgamento e acabou condenado em 2014.

Todavia, a punição foi Branda devido ao fato da vítima ter atravessado a rua em local não  apropriado. A família ainda tem recurso vigente contra o jogador na justiça. É por estas questões que nos últimos dias a contratação do chileno virou grande polêmica no Flamengo. Inclusive, parte da torcida Rubro-Negra chegou a se manifestar contra a chegada do jogador.