Flamengo entra na justiça para limitar o uso do Maracanã pelo Vasco

Rubro-Negro busca diminuir sequência nocivas de jogos no estádio

Presença do craque! Vidal tem ida ao Maracanã prevista para esta noite
Foto: Alexandre Vidal/CRF

Após imbróglio no uso do Maracanã para a partida entre Vasco e Sport, do último dia 3 de julho, o Flamengo entrou na justiça com uma petição para limitar o uso do estádio pelo cruzmaltino. Nesse sentindo, o Rubro-Negro busca deixar claro que a ação do rival servirá apenas para a partida em questão.

Siga Diário do Fla no Twitter 

“A decisão embargada não é suficientemente clara quanto à limitação da tutela à específica partida de futebol realizada no dia 03.07.2022 entre Vasco da Gama e Sport Clube do Recife, carecendo de elementos específicos, que lhe confiram a harmonia interpretativa necessária. É impositivo, portanto, o aclaramento da decisão embargada, para que esclareça que, conquanto tenha sido indeferida a atribuição de efeito suspensivo ao agravo de instrumento, o Vasco da Gama não possui um cheque em branco para optar quando e contra quem jogará no Maracanã”, diz parte da nota Rubro-Negra.

Siga Diário do Fla no Instagram 

A justificativa do Flamengo, que tem como parceiro o Fluminense na administração do Maracanã, é que a sequência abusiva de jogos no estádio prejudica o gramado. Como resultado, o tradicional palco do futebol carioca se encontra no atual momento fechado, por cerca de 20 dias, para restauração.

Curta Diário do Fla no Facebook