Scout trabalhando! Flamengo contrata jovem senegalês para a base

Área de observasão do Flamengo tem se expandido nos últimos anos

Venda vindo aí? Flamengo deve vender joia no meio de 2024
(Foto: Gilvan de Souza)

O Flamengo continua ampliando suas fronteiras na busca por talentos para suas categorias de base. Depois de garantir a contratação do nigeriano Shola Ogundana, o clube agora aposta no jovem senegalês Papa Diop, de apenas nove anos de idade. O volante, que se destacou na escolinha Star Ball Academy, já teve a oportunidade de conhecer as instalações do Ninho do Urubu e agora faz parte do time sub-10 do Mengão.

Papa Diop completará dez anos no próximo dia primeiro de abril, e sua chegada representa mais uma aquisição internacional para as categorias de base do Flamengo. Nos últimos meses, o clube trouxe também o chileno Joan Orellana, de 18 anos, da Universidad Católica (CHI), e o peruano Adriano Nicolas, de 17 anos, do Allianza Lima (PER), reforçando sua política de investimento em jovens talentos estrangeiros.

Destacando-se na base do Flamengo, o recém-chegado Papa Diop terá a oportunidade de se inspirar em outro africano que vem brilhando no clube, o nigeriano Shola Ogundana. Titular no time sub-20 na estreia da Copa Libertadores da categoria, Ogundana foi protagonista ao dar uma assistência na vitória sobre o Defensor Sporting (URU).

A busca por talentos não se restringe apenas ao continente africano. Recentemente, o Flamengo enviou olheiros para acompanharem campeonatos de base na Espanha, onde também há jogadores africanos inscritos que podem despertar interesse do clube. Com uma mistura de nacionalidades em suas fileiras, o Flamengo se destaca na base, obtendo mais de 40 títulos nas categorias inferiores no ano passado, reforçando sua posição como um dos principais formadores de talentos do futebol brasileiro.